Palavras-chave: a base de todo o seu conteúdo – ETAPA 9 – página 2

Palavras-chave: a base de todo o seu conteúdo

Em um conteúdo, as palavras-chave exercem papel fundamental para o ranqueamento de seu website. Quando você aprende a escolher de modo efetivo as palavras-chave certas, você aumenta significativamente as chances de ranquear o seu website no Google e em outros mecanismos de pesquisa.

Nesta etapa, você verá como criar palavras-chave e como criar seu conteúdo a partir delas, utilizando uma arquitetura e um layout simples, que podem servir de base na criação de seus posts, aumentando a sua proficiência nesta tarefa e gerando excelentes resultados. Isto significa criar conteúdos de modo mais rápido e, consequentemente, com mais regularidade, o que promoverá um melhor ranqueamento do seu website, que levará a mais tráfego e, finalmente, gerará mais oportunidade de lucro para você.

Escolhendo palavras-chave para seus posts

Para a escolha de palavras-chave, não precisamos pensar em cada uma delas, a partir de brainstormings ou qualquer tipo de adivinhação. Podemos contar com ferramentas que facilitam muito este trabalho. As principais são o Google Suggest e o Planejador de Palavras-chave, do Google Ads, ambas gratuitas, além do Ubersuggest e do KWFinder, da Mangools, que seguem a modalidade freemium, ou seja, oferecem alguns serviços gratuitamente e ferramentas adicionais pagas.

Google Suggest

Para começar a criar as primeiras palavras-chave para seus posts, aquelas mais genéricas, você pode iniciar fazendo buscas na Rede de Pesquisa do Google. Neste caso, faça uma lista com as palavras que você já tem em mente, ou seja, aquelas que estão associadas diretamente ao seu nicho.

Rede de Pesquisa do Google.

Por exemplo, se você escolheu o nicho de fotografia, você pode digitar, simplesmente, a palavra “fotografia”, sem pressionar a tecla “Enter”, e conferir quais são as primeiras 10 sugestões que aparecem no Google. Estas combinações de palavras que surgem estarão entre os termos mais buscados da área de fotografia.

Estas combinações de palavras que digitou com as palavras extras que aparecem, são conhecidas como “Long-tail Keywords”, Palavras-chave de calda longa.

Em seguida, você pode digitar “fotografia a”, para ver os principais resultados com a letra “a”. E, assim, você deve proceder com todas as letras do alfabeto, digitando “fotografia b”, “fotografia c”, “fotografia d”, e assim por diante.

Outra maneira de encontrar boas ideias é digitando “como fotografar”. Então, surgem os termos mais procurados nas buscas. Do mesmo modo, você pode digitar “como fotografar a”, “como fotografar b” etc.

E se você já fez a opção por um sub nicho como fotografia aérea, por exemplo, você pode proceder do mesmo modo citado acima, mas já incluindo a palavra “aérea”, para ver quais resultados surgirão, especificamente, para fotografia aérea.

Tela do Google Suggest.

O mais importante é começar com termos simplificados, mais genéricos, para não restringir as sugestões do Google. Ao utilizar esta ferramenta, o seu grande benefício é sinalizar, através das sugestões, o que as pessoas mais buscam dentro do seu nicho.

Entre os resultados, vale ter uma atenção especial ao bloco “As pessoas também perguntam”, porque se estas perguntas sugeridas pelo Google já aparecem na primeira página, isto é um sinalizador de que boas respostas para elas são excelentes candidatas a despontarem no topo da lista, também.

Bloco “As pessoas também perguntam”, do Google.

Para o registro e organização de suas pesquisas, você pode utilizar planilhas do Google Docs ou do Microsoft Excel. Isso é fundamental neste processo para que você possa consultar estas informações sempre que precisar.


Você acessa o Google Suggest, através deste link:

https://www.google.com.br/


Planejador de Palavras-chave, do Google Ads

Outra forma altamente recomendável para você criar palavras-chave para seus posts e, futuramente, para seus anúncios, também, é com a utilização do Planejador de palavras-chave (Keyword planner), do Google Ads.

Para acessar o Planejador de Palavras-chave, você precisa abrir uma conta no Google Ads, que possui dois modos: o “Smart Mode” e o “Expert Mode”. É somente através do “Expert Mode” que você acessa o Planejador de Palavras-chave.

Além disso, você precisa completar as configurações de sua conta, inserindo suas informações de pagamento e criando uma primeira campanha. Mas não se preocupe com isso; neste ponto, não focaremos em anúncios, então, basta seguir os passos para a criação de uma campanha qualquer e pausá-la. Deste modo, você poderá usar o Planejador de Palavras-chave, sem pagar nada por isso.

Antes de campanhas e anúncios, o mais importante aqui é ter acesso ao Planejador de Palavras-chave. Após você implementar seu Sistema de Negócio Online e começar a ter resultados através do tráfego orgânico, você poderá começar a criar efetivamente seus primeiros anúncios e campanhas pagas, também. Neste momento, vamos nos concentrar nas palavras-chave para a criação de posts.

Embora o Planejador de Palavras-chave seja destinado à criação de campanhas e anúncios, você pode utilizá-lo, também, para a criação de seus posts. Afinal, é muito importante que você crie posts a partir de palavras-chave que estejam na top list das buscas do Google.

Tela do Planejador de Palavras-chave (Keyword Planner), do Google Ads.

E planejando bem as palavras-chave que usará em seus posts, você pode fazer ainda melhor, escolhendo não só os termos mais procurados em seu nicho como também avaliar o nível de concorrência que existe para cada um deles. Deste modo, você pode trabalhar dentro de uma equação entre as palavras mais buscadas, mas com uma concorrência média ou baixa, a fim de conquistar as melhores posições nas buscas do Google.

Lembre-se, sua meta é estar na primeira página das pesquisas. Isso significa que os seus posts devem ranquear entre os 8 primeiros entre milhões de resultados na Rede de Pesquisa do Google.

Mas não veja isso como algo improvável, porque é perfeitamente possível, desde que o seu conteúdo seja relevante e você se utilize de algumas técnicas para potencializar esta possibilidade de ranqueamento. Além do mais, grande parte desses milhões de resultados são irrelevantes e desatualizados.

Outra vantagem que você tem é poder fazer uma pesquisa com as suas palavras-chave e verificar quais posts ocupam as primeiras posições do Google. E, a partir daí, você pode avaliar cada um deles e criar um conteúdo ainda melhor, reunindo tudo aquilo que beneficiará ao máximo a sua audiência.

Nestes posts bem posicionados, analise os textos e as imagens que os compõem e como foram diagramados, a quantidade de palavras, títulos e subtítulos, os blocos de parágrafos, os espaçamentos, o tipo de linguagem utilizada, o padrão estético com o padrão tipográfico, cores e estilo das fotos e ilustrações.

Mas voltando ao Google Ads, o Planejador de Palavras-chave ajudará você com sugestões de palavras relacionadas com seus produtos, serviços ou com seu website. Através dele, você também tem acesso ao número de buscas mensais que cada palavra possui, baseado num levantamento dos últimos 10 dias e atualizado diariamente.

Além disso, você também pode visualizar a concorrência que cada palavra possui, entre baixa, média e alta. Desta forma, poderá adotar palavras-chave com ótima procura, mas com baixa ou média concorrência.


Você acessa o Planejador de Palavras-chave, do Google Ads, através deste link:

https://ads.google.com/intl/pt-BR_br/home/tools/keyword-planner/


Ubersuggest e KWFinder: as alternativas freemium de planejadores de palavras-chave

Além do Google Suggest e do Planejador de Palavras-chave, do Google Ads, há o Ubersuggest que, também, oferece sugestões de palavras-chave de calda longa, a partir de palavras básicas relacionadas ao seu nicho. Com o Ubersuggest você ainda tem acesso a ideias de conteúdo com a visualização de posts relacionados às suas palavras-chave.

E como esta é uma ferramenta freemium, você pode ainda fazer o upgrade para saber quantas pessoas clicam nos resultados de busca orgânicos e pagos, qual a sua faixa etária, ter acesso a treinamento e suporte, auditoria do site, análise competitiva e aos backlinks, que são os websites que enviam tráfego para o site da sua concorrência e para o seu próprio website. Isto é importante, porque os backlinks ajudam você a ranquear nas pesquisas do Google, também.

Depois das ferramentas gratuitas do Google, o Ubersuggest é uma das melhores opções disponíveis no mercado, com vários benefícios e por um valor bastante atraente. Especialmente, quando seu Sistema de Negócio Online estiver implementado e você já estiver tendo resultados, vale a pena investir no Ubersuggest e testar suas ferramentas.

Telas do Ubersuggest: Análise de palavras-chave, ideias de palavras-chave e ideias de conteúdo.

Você acessa o Ubersuggest através deste link:

https://neilpatel.com/br/ubersuggest/


O KWFinder é uma outra alternativa muito boa para você utilizar na criação de suas palavras-chave. Como o Ubersuggest, este, também, é um serviço freemium. O custo da assinatura é consideravelmente mais alto que o do Ubersuggest, mas ainda com uma relação custo x benefício muito boa.

A princípio, poderíamos pensar em utilizar somente as ferramentas do Google para a escolha de boas palavras-chave para os nossos posts. E isso não seria nada mal, uma vez que são ferramentas desenvolvidas pelo maior mecanismo de busca do planeta e para utilização nele próprio.

Todavia, contar com algumas outras ferramentas como o UberSuggest e o KWFinder, pode lhe trazer novos insights, principalmente, se você passar a cruzar todas as informações às quais tem acesso.

Tela do KWFinder, da Mangools.

Você acessa o KWFinder, da Mangools, através deste link:

https://app.kwfinder.com/


Outras formas de buscar conteúdos e palavras-chave para seus posts

Quando falamos em palavras-chave, tudo se resume ao que as pessoas mais querem. E isto não precisa partir somente do Google. Para descobrir e entender melhor o seu público e aquilo que as pessoas realmente buscam, você pode ampliar a pesquisa através de outras fontes de informação.

Assim como o Google é a principal ferramenta de pesquisa, logo em seguida, temos o YouTube e a Amazon, em que são feitas milhares de pesquisas diariamente e estas informações, também, são de extrema relevância para o seu negócio.

Tanto no YouTube como na Amazon, se você começa a digitar algo no campo de pesquisa, antes de pressionar a tecla “Enter”, você já visualiza uma lista com sugestões de palavras-chave que são as mais procuradas nestas plataformas. E estas são informações muito valiosas para você entender o que as pessoas mais desejam em seu nicho.

Ainda no YouTube, após escolher um termo específico, seja o próprio que digitou ou algum que foi sugerido pelo sistema, é interessante observar, além dos resultados orgânicos que aparecem, os anunciantes que encabeçam os resultados da pesquisa.

Seja qual for o nicho que escolheu, analisar seus concorrentes pode ser um excelente ponto de partida para você criar seu conteúdo e, claro, ter ideias para o seu negócio, desde produtos e serviços que pode oferecer até detalhes inerentes à comunicação e estratégia de vendas.

Mesmo que tenha escolhido um nicho ou sub nicho novo, você pode fazer esta análise por proximidade, ou seja, focando em negócios relacionados ao seu.

Além do YouTube e da Amazon, você, também, pode recorrer ao Reddit e a Quora, duas grandes redes sociais para você se aproximar do seu público e de suas demandas.


Você acessa estas plataformas através destes links:

https://www.amazon.com.br

https://www.youtube.com

https://www.reddit.com

https://pt.quora.com/


[wpc_progress_graph course=”Exceed Journey Program”]

[complete_button course=”Exceed Journey Program”] [progress_ratio course=”Exceed Journey Program”]


Responses